Noticias   
     ::  O que a ACS oferece?
     ::  Histórico
     ::  Diretoria
     ::  Atualize-se
     ::  Notícias
     ::  Fale Conosco
     ::  Fotos
     ::  Pesquisar Associado
     ::  Links
     ::  Videos
     ::  Tornar-se Sócio
     ::  Ofícios
     ::  Página Inicial
      
     ::  Revistas Anteriores
 


 

 

Programa Ronda Policial 29.08.2015


 

 

Dados apontam que Estado tem um PM para cada 538 habitantes

27/08/2015
Goiás tem um policial militar para cada 538 habitantes. A proporção coloca o Estado na 7ª posição do ranking nacional com mais habitantes para cada profissional da área. É o que mostra a pesquisa Perfil dos Estados e dos Municípios Brasileiros (Estadic e Munic 2014), divulgada ontem pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A média nacional é de um policial militar para cada grupo de 473 pessoas.

A Polícia Militar (PM) tinha 11.950 integrantes no ano passado, sem contar os membros do extinto Serviço de Interesse Militar Voluntário Estadual (Simve). Atualmente o efetivo da corporação é de 11.953 e “a maioria se encontra na atividade-fim”, de acordo com a assessoria de imprensa da instituição.
O governo do Estado de Goiás já anunciou um novo concurso exclusivamente para suprir às necessidades da PM. Segundo a corporação, a pesquisa do IBGE não demonstra a realidade dela.

A pesquisa também mostra que, em 2014, a Polícia Civil (PC) tinha efetivo de 3.039 pessoas. Os números deste ano divergem. De acordo com a assessoria de imprensa da PC, o quantitativo chegou a 3.144 há três meses. O presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Goiás (Sinpol), Paulo Sérgio Alves de Araújo, diz que há 3.553 em atuação, o que, conforme alega, é ineficiente para atender bem à demanda. “Seria necessário pelo menos o dobro”.

Fonte: O Popular

 

 

 

 

Programa Ronda Policial 22 08 2015


 

 

Secretaria da Segurança Pública e Corpo de Bombeiros Militar lançam Certificado de Conformidade On line para agilizar atendimento ao público

20.08.2015

A Secretaria da Segurança Pública e o Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Goiás (CBMGO) lançam nesta sexta-feira, 21, o Certificado de Conformidade On line (Cercon On line). O serviço vai permitir que os usuários do Sistema Integrado de Análise de Projetos e Inspeções (Siapi) tenham acesso ao certificado na internet e imprimam o documento, evitando filas e a necessidade de ir até um posto de atendimento da Corporação.

 

A solenidade de lançamento será, às 9 horas, no auditório da Secretaria da Segurança Pública e Administração Penitenciária. O Cercon On line vai estar disponível para a população a partir de 1º de setembro.  O novo serviço criado pelo CBMGO integra o projeto para facilitar as relações com os cidadãos, por meio da simplificação dos processos. A agilidade e a desburocratização do Siapi são prioridades do Comando Geral e facilitarão, por exemplo, a abertura de novas empresas no Estado, estimulando o empreendedorismo.

 

Para o Corpo de Bombeiros Militar, o novo serviço representa um marco nas rotinas da corporação, agregando inovação e celeridade na gestão e segurança para a população. Em 2014, o Corpo de Bombeiros realizou mais 90 mil vistorias para emissão do Certificado de Conformidade. Apenas em Goiânia, a Corporação recebe, em média, por ano, cerca de 8 mil projetos de regularização de edificações.

Lançamento do Cercon On line do CBMGO
Data: Sexta-feira, dia 21, às 9 horas.
Local: Auditório da Secretaria da Segurança Pública e Administração Penitenciária. Avenida Anhanguera, n. 7364, Setor Aeroviário.
Mais informações: 3201-2030.

 

 

 

 

Programa Ronda Policial 15 08 2015


 

 

Programa Ronda Policial 08 08 2015


 

 

Fórum da ANERB discute temas de interesse da segurança pública nacional

A Associação Nacional das Entidades Representativas de Classe do Brasil (ANERMB), realizou nos dias 04 e 05 de agosto no auditório Antônio Carlos Magalhães, no senado federal, mais um Fórum para discutir temas de grande interesse da segurança pública brasileira. O evento foi coordenado pelo vice-presidente da ANERMB, sargento Gilberto Cândido de Lima, que também é presidente da Associação dos Cabos e Soldados da Polícia Militar e Bombeiro Militar do Estado de Goiás. Gilberto Cândido substituiu o presidente da entidade, Leonel Lucas, que não pode participar do encontro por estar impossibilitado de sair do Rio Grande do Sul, onde servidores estaduais, inclusive a Polícia Militar, estão em greve.

Durante o Fórum foi discutida a necessidade de acelerar a tramitação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 024 que cria o piso e o fundo nacional da segurança pública. A proposta de autoria do senador João Capiberibe (AP) pode significar um divisor de águas na política de financiamento e de remuneração dos policiais militares do Brasil. O Projeto de Lei 7645, do deputado federal subtenente Gonzaga (MG) também foi discutido no encontro. O Projeto propõe o fim da prisão disciplinar, que tem servido para a prática de abusos por parte de comandantes militares em punições sem justificativas. O tema teve como mediador o advogado Marisson Albuquerque, da Associação dos Praças do Paraná.

Outro projeto de Lei também foi debatido. Trata-se do PL 583/2015, do deputado federal Major Olímpio (SP) que cria a disponibilidade de diretores de associações militares eleitos para serem cedidos às suas respectivas entidades no exercício do mandato. Outra discussão foi sobre o teor da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 056 de autoria do deputado federal Cabo Sabino (CE) que prevê a desvinculação das Polícias Militares do Exército Brasileiro. Segundo o autor da PEC o atrelamento atual traz prejuízo às corporações militares. O acesso único para as carreiras militares, que permite a progressão nas forças policiais foi outro assunto discutido pelos participantes do Fórum.

De acordo com o vice-presidente da ANERMB, sargento Gilberto Cândido, os debates foram muito importantes em função dos temas em discussão e pela representatividade de presidentes e diretores das associações militares de praticamente todo o país. Gilberto Cândido se mostra honrado e agradecido com a presença e participação de todos no Fórum. “A união de todos vai resultar em grandes conquistas para a segurança pública nacional, carente de recursos financeiros e leis que garantam a segurança jurídica para a legítima atuação das polícias militares”, finaliza Gilberto.

Assessoria de Imprensa da ACS/ANERMB

Goiânia, 07 de agosto de 2015

 

 

   
 
Site desenvolvido por:
Rua 77 nº 145 CEP 74.055-090 Setor Central Goiânia - GO | Fone (62) 3212 5038 E-Mail - acs@acspmbmgo.com.br